A cárie de mamadeira é um tipo de cárie que acomete os dentes de leite de crianças acostumadas a se alimentar com mamadeiras, principalmente no período noturno. Quando a criança adormece ocorre diminuição do fluxo salivar, reduzindo a proteção natural que a saliva exerce sobre os dentes. O leite ou suco fica aderido à estrutura dentária, provocando a formação de ácidos que destroem o esmalte que protege os dentes da criança. A cárie se inicia com o aparecimento de manchas brancas quase imperceptíveis, porém tem evolução muito rápida levando a destruição dos dentes em um curto período de tempo.

A minha experiência em consultório demonstra que as crianças portadoras de cárie de mamadeira passam por grande constrangimento estético perante os amiguinhos, além de sentirem muita dor e precisarem ser submetidas a procedimentos clínicos caros e dolorosos. Uso como exemplo um caso de uma criança de três anos e meio que apresentava cárie de mamadeira. Para tratá-la, foi preciso fazer a endodontia (tratamento de canal ) e restaurar alguns dentes, outros foram extraídos e a criança terá que usar uma prótese até que todos os dentes permanentes acabem de nascer, o que ocorrerá por volta dos 12 anos de idade.

Como podemos prevenir a cárie de mamadeira

Sem dúvida, o aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida do bebê e como complemento até os dois, é a melhor forma de prevenir a cárie de mamadeira. Além disso, não ofereça ao bebê mamadeiras na hora de dormir, quando não for mais possível realizar a higiene bucal. Isso inclui o uso de qualquer líquido com exceção da água, pois mesmo suco de frutas ou leite diluído em água podem aumentar o risco de cáries. Ao invés de utilizar mamadeiras para alimentar o bebê utilize os copos de transição (com válvula para evitar que a criança engasgue), existem vários tipos nas lojas de produtos infantis.

Limpe os dentes e gengivas do bebê após cada amamentação e ensine-o a beber em copos e a sugar canudinhos antes dele completar um aninho. Ofereça ao seu filho, desde muito cedo, uma dieta equilibrada e saudável. Leve o bebê ao dentista assim que os primeiros dentes irromperem para receber as orientações necessárias e não se esqueça nunca que a prevenção é a melhor forma de dar ao seu filho a oportunidade de ter um sorriso bonito e saudável!